Apatej na luta pela implantação do nível universitário para o cargo de escrevente

23/03/2018

Na luta pela implantação do nível universitário para o cargo de escrevente técnico judiciário, a Apatej tem percorrido Fóruns de sua base para colher assinaturas para um abaixo-assinado.

Junto com as demais entidades de classe, o objetivo é reivindicar junto ao Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) a aprovação desse projeto no Órgão Especial e, consequentemente, fazer pressão na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp).

De acordo com o presidente da Apatej Mario José Mariano, o Marinho, o esforço já resultou em avanços. “Conseguimos aprovar o nível universitário para Oficiais de Justiça. Agora é a vez do escrevente”, lembrou.

Além de Marinho, os diretores André Soares (secretário) e Marcos Leite Penteado, o Marquinhos (tesoureiro) visitaram fóruns de Santo André, São Bernardo, Diadema, Carapicuíba, Osasco e Jandira. Cartório a cartório e mesa a mesa os diretores explicaram a importância do nível universitário para o escrevente, tiraram dúvidas e o mais importante: tiveram o apoio dos servidores.

Nos próximos dias a Apatej irá visitar outros Fóruns, novamente pedindo apoio e colhendo assinaturas para o abaixo-assinado.