Apatej participa de Assembleia Geral e representantes dos servidores são recebidos pelo TJ-SP

15/06/2023

Na tarde desta quarta feira, 14/06, foi realizada na Praça João Mendes a Assembleia Geral dos Servidores do Judiciário. O evento teve início às 13 horas e antes disso os representantes das entidades parceiras estiveram reunidos na sede da Assetj, para deliberações a respeito da organização da Assembleia.

Aproximadamente 200 servidores estiveram presentes, mesmo debaixo de chuva e frio que castigou a capital paulista. Após cerca de 1 hora de Assembleia houve a intervenção da Polícia Militar solicitando a retirada do caminhão de som, atendendo a ordem da Prefeitura do Município de São Paulo. Assim, os trabalhadores decidiram partir em caminhada até a frente do prédio do palácio do Tribunal de Justiça, onde foi dada continuidade ao evento.

A Apatej esteve representada por seu presidente Ednaldo Batista, pelo secretário-geral Mario José Mariano, o Marinho, e pelos diretores André Soares e Dorival Mariano Estriga.

Enquanto os servidores permaneceram em frente ao palácio um grupo de dirigentes das entidades de classe solicitou reunião com o TJ-SP. A princípio foram recebidos pelos juízes assessores Alexandre Andretta dos Santos e César Augusto Fernandes, em gabinete.

Em seguida pelos juízes assessores José Marcelo Tossi Silva e Ricardo Dal Pizzol, ocasião em que procedeu-se o Protocolo de Expediente solicitando abertura de diálogo com o presidente, desembargador Ricardo Anafe, mediante instalação da mesa de negociação permanente.

No que se refere ao Comunicado 306/2023, que determinou o encaminhamento da relação de servidores que participaram dos atos do dia 05 e 11 de maio, as lideranças tiveram uma breve conversa com o juiz assessor César Augusto Fernandes.

Ele informou que o Comunicado deve ser entendido pelos administradores e superiores hierárquicos como “falta justificada”, esclarecendo ainda que o Tribunal já solicitou ao setor de TI a abertura de um novo campo a ser denominado de “falta justificada greve”, haja vista tratar-se de um direito constitucionalmente assegurado.

Deliberação da Assembleia Geral dos servidores:

■ Continuidade da Campanha Salarial com o constante diálogo entre as entidades e servidores e aumento de pressão junto à presidência para abertura de mesa de negociação;

■ Ato na Alesp no próximo dia 20/06, para pressão junto aos deputados pela aprovação dos PLCs 30/2013 e 03/2018 e reunião de entidades no Colégio de Líderes.